Entrevista a Smash Hits, 1982

Ir em baixo

Entrevista a Smash Hits, 1982

Mensagem por Raquel M.K.Jackson em Sab Set 24, 2011 3:53 pm

Michael Jackson já não dá entrevistas, mas uma das últimas que fez, foi com Mark Ellen da Smash Hits, em dezembro de 1982, justamente quando estava sendo lançado Thriller. Ele não sabia até então que iria se converter no disco mais vendido da História. Não havia começado a gravar de novo com seus irmãos.

Smash Hits: Seu novo disco Thriller, já saiu na Grã Bretanha. Está contente com ele?

Michael Jackson: Já saiu?

SH:: Eu tenho uma cópia.

MJ: Já está nas lojas?

SH: Bom,em breve. Está contente com ele?

MJ: Oh, sim, estou contente com ele. Estou feliz, sou do tipo de pessoa que nunca está satisfeita.

SH: Quais são as suas faixas favoritas?

MJ: Meus temas favoritos são Thriller, Billie Jean, Beat It, Startin’ Somethin’, The Lady In My Life. Temas assim.

SH: Há todo tipo de pessoa extraordinária nele, Vincent Price, por exemplo. Como chegou a trabalhar com ele?

MJ: Conheço Vincent desde que tinha 11 anos. E quando pensa em Thriller… Quero dizer, quém é o rei do terror que está vivo? Por exemplo, Bela Lugosi e Peter Lorre estão mortos e o gigante que está recuperado esses dias é o Vincent Price, assim que pensei que tinha a voz perfeita. Foram Rod Temperton e o Quincy quem pensaram nele porque é um bom amigo. Veio diretamente, não houve problema.

SH: Como foi com Eddie Van Halen?

MJ: Compus o tema chamado Beat It e queríamos um bom solo, um solo de guitarra, assim essa noite, Quincy disse, tenho uma grande idéia, hmmm, sabe, alguem como Van Halen seria uma boa idéia ou Peter Townsend, mas Townsend e o The Who estavam em turnê nesse momento e pensamos que seria um problema. Assim que no dia seguinte, justamente no dia seguinte, Eddie estava no estúdio. É o tipo de pessoa que sempre está preocupado de fazer bem a sua parte e queria estar seguro. É um perfeccionista.

SH: Que qualidades busca para suas canções?

MJ: Foco para que a música seja sólida e, mais que nada, tenha a melodia.

SH: Que tipo de gente tem oferecido canções e que não tenha aceito? Creio ter escutado que há uma do Stevie Wonder?

MJ: Bem, Stevie tinha uma que era boa. Era uma boa canção, mas do tipo dançante. Também havia outra de... como se chama...?

SH: David Grant?

MJ: O esqueci (risos). Tenho tanto coisa em andamente agora que me esqueci. Stevie é incrível. Fizemos um tema mais dançante, mas a canção era muito boa.

SH: Por quê escolheu o título Thriller? Você gosta muito de cinema?

MJ: Os filmes me encantam. Todos os filmes. Mas não gosto dos de terror.

SH: Por quê não?

MJ: Não consigo dormir se vejo um. Me dá medo.

SH: Quais são os seus favoritos?

MJ: Qualquer um do Steven Spielberg

SH: Você gosta do E.T.?

MJ: Adoro E.T. Porque lembra a mim. Toda a história, sabe, alguém de outro mundo que vem a Terra e se torna seu amigo e essa pessoa têm 800 anos e te completa com todo o tipo de sabedoria e é mágico, te ensina a voar. É o tipo de fantasia que creio que é genial. Quero dizer, quem não quer voar?

SH: Que outros filmes você gosta ?

MJ: Gosto dos velhos musicais da MGM. Gosto dos que tem grandes atores como Katherine Hepburn, Spencer Tracey. Adoro Oliver, é um dos amigos que tenho que vivem aqui (na Inglaterra) – Mark Lester. É meu amigo. Oliver é um dos meus filmes favoritos de todos os tempos. Quando estou aqui o visito e conversamos pelo telefone.

SH: Por quê você gosta tanto desse filme em particular?

MJ: Ooooooh! É maravilhoso! É uma história de Dicken. Quero dizer... é... é... incrível. A música de Lionel Bart é irreal… é mágico. Vou gravar a canção no futuro, uma das canções...

SH: Qual?

MJ: ‘Where Is Love?’

SH: Conhece outras estrelas do cinema?

MJ: Sim, estamos no mesmo campo. Katherine Hepburn veio a um de nossos concertos da última turnê. Foi o primeiro concerto a que assistiu. A imprensa estava surpresa. Sabe, uma atriz de sua importância e todo o glamour de Hollywood... Estavam surpreendidos de que aparecesse por ali. Foi o primeiro concerto a que ela assistía em sua vida.

SH: Que ela achou?

MJ: Ficou encantada. Me disse que ficou encantada e me convidou para jantar na casa dela no dia seguinte, mas tínhamos que nos apresentar em outra cidade, sabe como é.

SH: Há algum herói ou heroína do cinema que quer conhecer?

MJ: Bem, queria conhecer Walt Disney mas ele já morreu. E queria conhecer a Charlie Chaplin mas também já morreu. Realmente não há ninguém que quero conhecer. Vou trabalhar com Steven Spielberg.

SH: Verdade! Fazendo o quê?

MJ: Um filme. Vamos fazer um filme juntos. Agora ele está preparando a história e as idéias, trabalhando nelas gradualmente. Sabe, eu gravei o Storybook de E.T. e estamos acabando já. Ele e o Quincy dirigiram tudo, sabe.

SH: Não fez nada desde The Wiz, verdade?

MJ: Certo.

SH: E quer fazer mais?

MJ: Oh, sim. Quero

_________________
avatar
Raquel M.K.Jackson
Admin
Admin

Mensagens : 794
Pontos : 1432
Data de inscrição : 09/09/2011
Idade : 23
Localização : são paulo

Ver perfil do usuário http://mjbestofjoy.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum